19.8 C
Três Lagoas
quarta-feira, 17 de agosto, 2022

URGENTE: Dois casos suspeitos de varíola dos macacos são registrados em Três Lagoas

Os dois casos, uma mulher e um homem estão em isolamento domiciliar.

Na tarde desta sexta-feira (05), em um post no Instagram oficial da Prefeitura de Três Lagoas, a Secretária Municipal de Saúde, Elaine Fúrio comunicou que o município possui dois casos suspeitos de Monkeypox, também conhecida como Varíola dos Macacos.

Segundo o Médico da Família e Comunidade e da equipe de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Vinícius de Jesus Rodrigues Neves, os dois pacientes – um homem de 33 anos e uma mulher de 29 anos que não possuem relação entre si, tiveram contato com pessoas suspeitas e que deram positivo para a doença.

Os casos foram notificados nesta quinta (04), com o primeiro caso com histórico de viagem recente para fora do estado, e depois de contato físico com a pessoa suspeita, apresentou erupções cutâneas associada à cefaleia, dor nas costas, artralgia (dor nas articulações), dor muscular, náusea, vômito, fotosensibilidade, calafrios e dor de garganta.

O segundo caso também procurou atendimento médico com quadro de febre, lesões na pele, dores ao engolir alimentos e linfadenopatia (inchaço dos nódulos linfáticos), também com histórico de viagem recente para fora do estado de Mato Grosso do Sul.

De acordo com a Vigilância Epidemiológica, os dois estão clinicamente bem e em isolamento domiciliar. A Secretaria realizou a coleta de amostras que serão encaminhadas para o Laboratório Central de Saúde Pública em Campo Grande (MS) que serão analisadas no intuito de confirmar ou descartar a doença.

A Doença

A monkeypox é uma doença causada pelo vírus do gênero orthopoxvirus e família poxviridae. Apesar de ser conhecida por causar a “varíola de macacos” ou “varíola símia”, é um vírus que infecta roedores na África. Porém, os macacos são, provavelmente, os hospedeiros acidentais, assim como o ser humano.

O vírus é transmitido pelo contato físico (sexual ou não), gotículas de saliva direta entre indivíduos ou sobre superfícies, bem como pelo ar e, por isso, as orientações de prevenção são basicamente as mesmas das adotadas contra a covid-19, ou seja, uso de máscaras de proteção facial (no mínimo cirúrgicas de camada tripla), higienizar as mãos, superfícies e objetos de uso comum com álcool em gel 70%.

Além disso, o Ministério da Saúde, assim como a Organização Mundial da Saúde (OMS), recomenda que as pessoas evitem terem diversos parceiros sexuais, algo que amplia as possibilidades de transmissão e contágio pela doença.

A orientação dada pela Secretaria Municipal de Saúde é de que caso alguém apresente os sintomas característicos da doença, procure atendimento em uma Unidade de Saúde de segunda à sexta-feira das 7h às 17h ou nas Unidade de Saúde na Hora das 7h às 19h e, aos finais de semana, na Unidade de Pronto Atendimento (UPA24h e nas Unidades de Saúde na Hora do Santo André, Atenas, Santa Rita, Vila Haro, Paranapungá, Jardim Maristela, Vila Piloto, Interlagos, São Carlos e Vila Nova.

Comentários do Facebook

MATÉRIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo Protegido