10.5 C
Três Lagoas
quinta-feira, 11 de agosto, 2022

Transportando droga e celular, drone é abatido enquanto sobrevoava penitenciária de Três Lagoas

Policial penal da unidade teria escutado barulho de drone, conseguindo abater aeronave não tripulada.

Na tarde de ontem (12), uma aeronave não tripulada (drone), foi abatida pelos Policiais penais na Penitenciária de Segurança Média de Três Lagoas. Avaliado em R$ 15 mil, transportava 919gr de maconha, além de um aparelho celular. O drone, do modelo DJI Inspire 1 V2.0 – T 601. Essa aeronave pode ser pilotada a cinco quilômetros de distância, e sua capacidade é de 20 litros de carga.

Toda a ação aconteceu por volta das 13h50 da tarde, quando um policial penal, que estava em uma das torres do presídio, teria ouvido o barulho do drone e ao ver que estava em um local seguro, vindo sobre a mata, conseguindo abater o equipamento.

A tentativa de arremesso durante o dia, segundo o comandante do GEP, Claudiomar Suszek, se deve as interceptações diretas pelos policiais penais dos ilícitos lançados durante a noite, impedindo que chegassem aos detentos, com a intenção de que durante o banho de sol os presos consigam pegar o material arremessado.

A prática do uso de drones para arremessar ilícitos na PSM vem sido registrada após a instalação de uma cerca perimetral no local pela direção do estabelecimento penal, dificultando os arremessos manuais.

O drone e as drogas apreendidas foram encaminhadas a Polícia Civil, para o registro necessário, não sendo possível identificar quem estava pilotando o equipamento.

Comentários do Facebook

MATÉRIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo Protegido