19.7 C
Três Lagoas
sexta-feira, 24 de setembro, 2021

Semana inicia com chegada de novas 76 mil doses de vacinas contra Covid-19

Novos lotes com 76.050 doses de vacinada Pfizer desembarcam nesta segunda (6) e terça-feira (7), respectivamente, no Aeroporto Internacional de Campo Grande (CGR).

Das 76.050 doses, 50.538 doses serão para segunda aplicação em municípios excluídos da fronteira, 12.756 doses para terceira aplicação e 12.756 doses para primeira aplicação em adolescentes.

As vacinas serão distribuídas aos municípios de Mato Grosso do Sul a partir das 07h30min desta quarta-feira (8). 

A campanha de imunização contra Covid-19 começou em 19 de janeiro de 2020 em Mato Grosso do Sul.

O objetivo é vacinar pessoas para conter o número de casos, internações e óbitos por Covid-19, além de frear a pandemia.

O avanço na vacinação já reflete na queda no número de casos confirmados, internações, taxa de contágio e óbitos pela doença.

O secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, celebra o avanço da imunização em Mato Grosso do Sul.

“Somos o Estado do país que mais aplicou vacina. Fomos o primeiro estado a iniciar a vacinação de adolescentes e aplicar a terceira dose em idosos”.

Ritmo da vacinação

De acordo com dados do vacinômetro disponibilizado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES), Mato Grosso do Sul tem 74,06% de pessoas vacinadas e 47,02% imunizadas contra Covid-19.

Isso representa 1.845.791 sul-mato-grossenses que receberam a primeira dose, 1.086.125 que receberam a segunda dose e 234.877 que receberam a dose única. 

Das 3.323.280 doses recebidas do imunizante, Mato Grosso do Sul aplicou 3.179.472.

Campo Grande tem 68,44% de vacinados e 48,74% de imunizados, segundo dados do vacinômetro disponibilizado pela Secretaria Municipal de Saúde (Sesau).

Este número representa 620.161 campo-grandenses que tomaram uma dose da vacina e 441.664 pessoas que tomaram as duas doses ou dose única.

Mato Grosso do Sul é o primeiro estado do país no ranking de aplicação da segunda dose, de acordo com dados do vacinômetro disponibilizado pelo Ministério da Saúde.

Informações do site Correio do Estado

Comentários do Facebook

MATÉRIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MAIS LIDAS

Comentários do Facebook