24.2 C
Três Lagoas
quarta-feira, 17 de agosto, 2022

MS confirma a 15ª morte de bebê por covid-19

No Estado, 78% da população completou primeiro ciclo vacinal, mas menos da metade tem 3ª dose.

Na última semana, foram 17 mortes confirmadas pelo coronavírus no Estado e a mais jovem tinha apenas dois meses de idade. Esta vítima era um bebê de Corumbá, município a 414 quilômetros de Campo Grande, que morreu em 25 de julho. A SES (Secretaria Estadual de Saúde) investiga as comorbidades do paciente.

Há cerca de uma semana, foi noticiado o falecimento de uma criança desta idade, no mesmo município, que teve teste positivo para coronavírus. O atestado de óbito indicava que o paciente teve problemas cardiorrespiratórios e a família relatou falta de atendimento.

Desde o início da pandemia, 31 pessoas com menos de 18 anos morreram pela covid-19, em Mato Grosso do Sul. Somente entre a população de dois anos ou menos, que ainda não pode tomar vacina, foram 15.

  • Pandemia – Conforme boletim epidemiológico publicado nesta terça-feira (2), a cada 24 horas, foram confirmados 573,7 infecções e 2,4 óbitos em território estadual. Desde março de 2020, mais de 566 mil casos foram confirmados, dos quais 551 mil se recuperaram, mas 10.724 morreram.

Segundo a pasta, cerca de 78,8% da população recebeu duas doses ou primeira dose de Janssen. No entanto, apenas 44,2% da população apta a receber a terceira dose, está com o reforço em dia. De acordo com a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), a vacinação é permitida apenas a pacientes acima dos três anos.

Há dois dias, apenas 4% das crianças de três e quatro anos tinham recebido a primeira dose. A segunda, que garante maior proteção, é aplicada após 28 dias.

Campo Grande News

Comentários do Facebook

MATÉRIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo Protegido