24.2 C
Três Lagoas
quarta-feira, 17 de agosto, 2022

Idoso suspeito de estuprar criança é preso pela Polícia Civil em Brasilândia

Vítima gravou uma conversa com o agressor, onde ele assume o abuso, considerando a criança “sua mulherzinha”.

Em Brasilândia (MS), distante 65km de Três Lagoas (MS), a Polícia Civil prendeu na tarde desta terça (02), um idoso de 63 anos de idade que é suspeito do crime de estupro de vulnerável.

Após uma denúncia anônima, a Polícia Civil iniciou a investigação do crime, sendo recebida pelo Disque-Denúncia, e encaminhado um arquivo de áudio gravado pela vítima, onde registra o diálogo dela com o agressor, do qual se pode inferir que ela vinha sofrendo abusos constantes pelo suspeito, que é alguém próximo de sua família.

Diante disso, os investigadores obtiveram informações de que o idoso estaria mesmo abusando da vítima, e que o suspeito já tinha sido preso anteriormente pelo mesmo crime, mas em outra cidade.

Então, a Polícia Civil solicitou a Justiça a prisão temporária do idoso, que foi acatado pela Comarca de Brasilândia (MS), e foi realizada no início da tarde de hoje (02), sendo preso dormindo em sua casa, e não reagindo a prisão.

Este caso chama a atenção porque a própria criança, não suportando mais os abusos, gravou uma conversa com o agressor, onde confessa uma série de abusos, e durante mais de três minutos de conversa, foi possível concluir de que o idoso praticou uma série de estupros, a qual considerava “sua mulherzinha”, conforme suas próprias palavras.

O inquérito deve ser concluído no prazo de 30 dias, com a oitiva da vítima e de testemunhas realizadas, em conjunto das provas periciais, onde o suspeito pode ser condenado de 5 a 15 anos de prisão. Ele já registra uma condenação por crime contra a dignidade sexual e estava recorrendo em liberdade.

Através das denúncias anônimas, foi o que permitiu a Polícia Civil esclarecer o crime e prender o criminoso, sendo uma importante ferramenta para que se possa fazer Justiça.

Comentários do Facebook

MATÉRIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo Protegido