23.4 C
Três Lagoas
segunda-feira, 27 de junho, 2022

Depois de agredir por tirar foto com faca, marido diz que bateu “sem querer” em rosto de esposa

Após sumir com chapinha de mulher, relatou aos policiais que vendeu objeto para “beber cachaça”.

No início da tarde de ontem (19), uma equipe policial foi solicitada na rua Cacildo Arantes, no Santa Luzia, onde uma ocorrência de lesão corporal, ameaça, e dano foi registrada, além da prisão de um homem de 31 anos em flagrante por violência doméstica.

No local, uma mulher, também de 31 anos relatou que estava sofrendo agressões por parte de seu marido, e que desde de sábado (18), o agressor fazia uso de bebidas alcoólicas, o que faz sempre o casal entrar em desacordo, e que para não ter discussão, começou a se arrumar para ir até a casa de sua amiga.

Quando retornou, seu marido sumiu com sua chapinha, o que iniciou uma nova discussão, e em posse de uma faca, começou a lhe ameaçar. A vítima pegou seu celular e tirou a foto do agressor com o objeto na mão, tomando o aparelho de sua mão e quebrando em seguida.

Após ter quebrado o aparelho, agrediu a vítima, causando uma lesão no interior do lábio inferior. A equipe policial entrou na residência, localizando o homem deitado em um colchão no interior da casa. Para os policiais, disse que vendeu o objeto de sua mulher para “beber cachaça”, e que não tinha nenhuma faca, ainda dizendo que quebrou o celular por “ciúme”.

Ainda para a equipe, justificou a lesão na boca de sua esposa, dizendo que enquanto tomava o celular dela, bateu a mão em seu rosto “sem querer”, sendo algemado em seguida e preso em flagrante, onde foi conduzido até a DEPAC/TL. O caso foi encaminhado à Delegacia de Atendimento à Mulher (DAM).

Comentários do Facebook

MATÉRIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo Protegido