24.2 C
Três Lagoas
quarta-feira, 17 de agosto, 2022

Criança vítima de motorista bêbado faz vaquinha para comprar prótese craniana de R$ 100 mil em Campo Grande

No acidente, o avô da criança morreu

A família de uma criança de 11 anos, vítima de um motorista bêbado que causou acidente na BR-262 em fevereiro de 2022, está fazendo uma vaquinha virtual para arrecadar R$ 100 mil a fim de comprar uma prótese craniana neste valor para ele. No acidente, o avô do menino, de 84 anos, morreu.

João Carlos Sandes de Freitas ficou com várias sequelas, inclusive com a parte frontal da cabeça afundada por conta da perda óssea. “Ele faz fisioterapia, faz acompanhamento médico, não pode ir à aula, a professora vem em casa dar aula para ele três vezes na semana por não ter a proteção da cabeça. Mudamos para Campo Grande para poder facilitar mais o acompanhamento médico dele”, diz o irmão de João, Carlos da Silva de Jesus.

Segundo Carlos, a prótese custa exatamente R$ 100 mil. “A prótese é importada e quem faz a solicitação é a própria médica”.

Entre na vaquinha virtual neste link.

O acidente

A acidente aconteceu no dia 20 de fevereiro. Conforme informações apurados pelo Jornal Midiamax, motoristas que também conduziam na pista relatavam que o condutor de um Renault Clio dirigia em alta velocidade na rodovia, além de fazer manobras perigosas e ultrapassagens. Ele vinha de Terenos em direção a Capital e acabou colidindo na traseira de um Corsa Sedan. O homem foi preso em flagrante.

No Clio estava um casal, a mulher relatou que o marido teria bebido durante à tarde e pego o veículo. Ela e o patrão insistiram para que ele não dirigisse, mas foi contrariada e seguiram viagem para cidade vizinha. 

No outro carro estava a família de João: um casal, duas crianças e o idoso, que seguiam em direção ao distrito de Palmeiras, em Aquidauana, quando foram surpreendidos pela colisão. O idoso dirigia o carro, tentou desviar, mas foi atingido. Com o impacto o veículo capotou na pista e foi parar às margens da rodovia.

Com informações do MidiaMax.

Comentários do Facebook

MATÉRIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo Protegido