12/09/2017 09h23

Prefeito Angelo Guereiro diz que operação da Polícia Federal não é uma surpresa

 
Por: Ana Carolina Kozara
 
 

Publicidade

O prefeito de Três Lagoas, Angelo Guerreiro, em pronunciamento feito nesta manhã (12) em frente ao paço municipal disse que desde que assumiu o controle da prefeitura, deixou de pagar R$ 1,6 milhões para oficinas mecânicas que prestavam serviços de reparo e manutenção na frota oficial.

Em entrevista, Guerreiro disse que as notas eram de valores muito altos e foram emitidas sem licitação, o que levou o prefeito acreditar que poderiam haver irregularidades.

Em nota oficial , foi divulgado que dainte dos fatos, assim que assumiu o cargo, a atual Administração abriu sindicância, na segunda quinzena de janeiro, para apurar responsabilidades. Ao final da sindicância concluiu-se pela abertura de Processo Administrativo Disciplinar (PAD) contra quatro servidores, com suspeitas de envolvimento nas referidas irregularidades.



Envie seu Comentário