TRAGEDIA ANUNCIADA! SERÁ?

Homem utiliza Whatsapp para denunciar possíveis irregularidades em obra

Obra de terraplanagem é feita no município de Três Lagoas, segundo Nelson Carecho alguns bairros de Três Lagoas foram inundados devido irregularidade apontada em terraplanagem

 
 

22/03/2019 16h23
Por: André Rodrigues

 
 
Foto: Nelson Carecho - Denúncia de irregularidade em Obra Foto: Nelson Carecho - Denúncia de irregularidade em Obra

TRAGÉDIA ANUNCIADA! - Recebemos agora, por volta de 16 horas, video de denúncia feito por cidadão três-lagoense, de possíveis irregularidades em obra de terraplanagem no município de Três lagoas (MS). Segundo, Nelson Carecho, irregularidades na obra seria motivo de alagamento em alguns bairros durante as fortes chuvas que ocorreram essa semana, em que, coincidentemente, comemoramos o Dia da Água. Mas, para algumas famílias, não há motivos para comemorar: bens foram destruídos. Talvez, o único motivo de alegria seja que não temos notícias de vidas perdidas, nas enchentes, por enquanto.

Segundo ele, "se chover hoje, vai inundar novamente o JK". As águas que vêm dos Jardim das Acácias, Oiti e Paranapungá passam pela obra, e levam a lama do aterro para os bairros localizados na baixada do JK. Ele fez o vídeo para denúnciar essa possível irregularidade.

Outra visão:

A reportagem da Rádio Caçula pediu para um Engenheiro Civil analisar as imagens, e segundo ele, a contenção feita na obra, em forma de piscina, com a parede de terra é justamente para conter a água. O que incomoda, na visão do engenheiro é que a piscina deve ser drenada para poder conter a próxima chuva. Se isso não acontecer irá inundar e transbordar rapidamente.


Ainda não acabou:

A Rádio Caçula irá acompanhar e apurar os fatos. Nossa reportagem vai visitar a obra e entender o que pode haver de errado e o que pode ser feito para melhorar a situação dos moradores da região.

A qualquer momento maiores detalhes.

Reportagem por Romeu de Campos Júnior e Redação por André Rodrigues

*veja fotos da obra na galeria e vídeo de denúncia logo mais abaixo: