10/01/2017 - Atualizado em 10/01/2017

Foragido da justiça e suspeito de participação em assassinato é preso pela Polícia Civil de Três Lagoas

Ele nega ser o atirador que ceifou a vida de um trabalhador dos correios na última semana

Por: Rayani Santa Cruz
 
 
Matheus Campo Silva de 18 anos, foi localizado e presta depoimento na Delegacia. Foto: Rádio Caçula Matheus Campo Silva de 18 anos, foi localizado e presta depoimento na Delegacia. Foto: Rádio Caçula

Publicidade

Após denúncias de populares, os investigadores da 3° Delegacia de Polícia Civil, encontraram mais suspeito de ter participado da execução do auxiliar administrativo Alfredo Avelino de Souza de 39 anos, que tomava tereré junto ao seu irmão em frente a um bicicletaria da família localizada no bairro Jardim das Oliveiras.

Matheus Campo Silva de 18 anos, foi localizado no residencial Orestinho em um apartamento junto a outros dois indivíduos, sendo foragidos da Colônia Penal de Três Lagoas, identificados como Thiago Magalhães dos Santos, de 22 anos, e Adilson Sampaio Vieira, 29 anos. Eles haviam recebido o benefício de indulto de natal e não retornaram a penitenciaria.

Conforme informações do Delegado Dr. Capobianco, Matheus Campos Silva, confessou ter participação no crime, porém, nega ser o atirador que assassinou o trabalhador na semana passada. Ele apenas afirma que pilotava a moto shineray usada para a fuga da dupla e apontou um homem conhecido como "Neguinho" como autor dos disparos.

Contudo, nesse momento a polícia continua as investigações já que ainda na última sexta (06), os investigadores da SIG efetuaram a prisão de João Paulo Liberato Miranda de 20 anos, apontado como sendo o piloto da cinquentinha. Ele que foi reconhecido por uma testemunha estava com a moto usada no crime guardada na casa de parentes, assim como capacete e chinelo.

 
 Thiago Magalhães dos Santos, de 22 anos, e Adilson Sampaio Vieira, 29 anos, estavam são foragidos da Colônia Penal de Três Lagoas. Foto: Rádio Caçula Thiago Magalhães dos Santos, de 22 anos, e Adilson Sampaio Vieira, 29 anos, estavam são foragidos da Colônia Penal de Três Lagoas. Foto: Rádio Caçula

Agora existe a possibilidade de João Paulo, ter sido preso por engano, apesar de ter um certo envolvimento com o fato, mas Matheus alegou ser outra pessoa o autor dos disparos de fato.

Neste momento o jovem está na delegacia sendo ouvido pelo delegado responsável, onde chora muito e tem dificuldades em falar detalhes do crime.

Além dos dois foragidos da justiça, também foi encontrada uma adolescente de 15 anos, no local e segundo a polícia os quatro consumiam drogas no local, antecedente a chegada dos investigadores. Mais informações a qualquer momento no site da Rádio Caçula.



Envie seu Comentário