APARECIDA DO TABOADO

Quatro pescadores são multados em R$ 7 mil por pesca irregular

Três infratores fugiram pela mata e um ficou e foi preso.

 
 

07/10/2018 07h52
Por: Laís Eger Penha / Por Assessoria de Imprensa

 
 

Policiais Militares Ambientais de Aparecida do Taboado (MS), que trabalham na operação pré-piracema, realizavam fiscalização fluvial no sábado (6), no município e autuaram quatro pescadores por pescar com redes de pesca (petrechos proibidos). Os infratores pescavam embarcados no Rio do Pântano e foram surpreendidos no momento em que armavam e conferiam redes de pesca, algumas atravessando o rio.

Três infratores fugiram pela mata e um ficou e foi preso. Dos fugitivos, a PMA conseguiu capturar dois. Mesmo não sendo capturado, foram encontrados documentos do fugitivo, de 53 anos, residente em Aparecida do Taboado. Os infratores escondiam redes de pesca na mata à margem do rio e o pescado que capturavam. Foram apreendidas seis redes de pesca, medindo 400 metros, uma tarrafa e 48 kg de pescado.

Felizmente a PMA prendeu os elementos no início da pescaria, haja vista que esses petrechos têm grande poder de captura e dizimação de cardumes e a rapidez possibilitou que os infratores tivessem matado apenas 48 kg de pescado.

Os três infratores, de 28, 51 e 54 anos, residentes em Aparecida do Taboado, receberam voz de prisão e foram conduzidos, juntamente com o material apreendido, à delegacia de Polícia Civil daquela cidade, onde foram autuados em flagrante por crime ambiental de pesca predatória e saíram depois de pagar fiança. Eles e o fugitivo poderão pegar pena de uma a três anos de detenção.

Os três infratores presos e o fugitivo também foram autuados administrativamente e multados em R$ 1.740,00 cada um. O pescado será doado para instituições filantrópicas, depois de periciado.

Envie seu Comentário