ELEIÇÕES 2018

Puccinelli deve adiar convenção do MDB a pedido de deputados

 
 

11/07/2018 08h55
Por: Deyvid Santos

 
 

Inicialmente marcada para o próximo dia 21 de julho, a convenção estadual do MDB, que iria oficializar alianças e a terceira candidatura ao governo do Estado de André Puccinelli, poderá ser adiada.

Através da assessoria de imprensa, a executiva do partido se limitou a dizer que o pedido partiu dos deputados estaduais emedebistas, que querem mais tempo para definir coligações e formação de chapa.

O requerimento do pedido já foi apresentado ao presidente regional da legenda, Puccinelli, que já teria, inclusive, iniciado contato e consulta com partidos aliados para marcar uma nova data da convenção do MDB.

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) determina que as convenções partidárias, que vão definir os nomes dos candidatos aos cargos em disputam, aconteçam entre os dias 20 de julho a 5 de agosto, sendo que o último dia para os partidos políticos e as coligações apresentarem junto à Justiça Eleitoral o requerimento de registro de candidatos é 15 de agosto, um dia antes do início oficial da campanha.

Ainda segundo a assessoria do MDB, André deve anunciar a nova data da convenção somente na próxima semana. No dia 21 de julho, o PDT, que deve lançar um dos principais adversários de Puccinelli na corrida pelo Parque dos Poderes, Odilon de Oliveira, também marcou sua convenção estadual.

Com informações do site Midiamax