MEIO AMBIENTE

Pescador paulista é preso durante operação piracema em Bataguassu

 
 

22/01/2019 14h56
Por: Deyvid Santos

 
 

Policiais Militares Ambientais de Bataguassu, que trabalham na operação piracema, realizavam fiscalização ontem (21) à tarde e prenderam um pescador paulista por praticar pesca durante o período de defeso (piracema). O infrator foi abordado, no Distrito de Nova Porto XV, em um veículo GM, com placas de Presidente Epitácio (SP), com um semirreboque que transportava um barco com motor, onde havia pescado capturado de forma ilegal.

O pescador voltava de uma pescaria no lago da Usina Sérgio Motta e dentro da embarcação foram encontradas várias espécies de peixes nativos, que não podem ser capturados durante o defeso, totalizando 15 kg, com sinais de captura por rede de pesca (petrecho proibido) e ainda havia pescado abaixo da medida permitida. Havia exemplar de pintado com 46 centímetros, quando o tamanho mínimo de captura é de 85 centímetros.

Além do pescado, foram apreendidos o veículo, a embarcação com motor e o semirreboque. O infrator, de 36 anos, residente em Presidente Epitácio, foi preso em flagrante e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Bataguassu e saiu depois de pagar fiança.

Ele responderá por crime ambiental de pesca predatória, com pena prevista de um a três anos de detenção. O pescador também foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 1.000,00.

Informações da Assessoria de Comunicação da Polícia Militar Ambiental

Envie seu Comentário